segunda-feira, 24 de novembro de 2014




No silêncio ouço a tua voz que nunca ouvi
No tocar sinto tua pele que nunca senti
Ao despertar do meu silêncio
Aqui estou somente a te olhar.

***

De repente me peguei olhando para o nada
Pensando em tudo.
E ao som de uma linda melodia viajei em teus braços.
E nesse olhar o nada e pensar em tudo, despertei e te amei...

Nenhum comentário:

Postar um comentário